Header Ads

Seo Services

Motivos para começar a ler nova Série Mensal do THOR!


Pecado Original bagunçou a vida de Asgardia. A volta de Odin de seu exílio após os eventos da saga acabou repartindo a liderança da Terra dos deuses nórdicos entre o Pai Supremo e Freya, a nova governante. Para piorar mais ainda a situação, Thor Odinson se tornou indigno de portar seu martelo Mjolnir após ouvir verdades sussuradas por Nick Fury em uma batalha na superfície da Lua. Sabendo desse fato, os inimigos de Asgard se preparam para invadir Midgard.

Esta é a situação de caos por onde começamos Thor #1 de Jason Aaron e Russel Dauterman. Jason dá uma mudança no que foi apresentado no volume anterior,  onde tínhamos os 3 “Thors” em toda a sua glória vivendo aventuras épicas. E agora temos um Odinson no fundo do poço. O Deus Indigno, agora portando machado Jarnbjorn, que figura como grande protagonista da revista e temos boas cenas de ação assim como os conflitos entre Freya e Odin sobre a liderança da cidade sagrada. Ao que parece, Aaron usa elementos clássicos de Asgard como os Gigantes de Gelo e Malekith e os colocam na realidade da Terra, tirando os mesmos de seus respectivos reinos de Jotunheim e Svartalfheim e os colocando para nos atacar. As conversas entre os personagens são bem escritas e a história flui muito bem, fazendo a leitura algo prazerosa, e até rápida dado ao interesse aos eventos narrados. 

A curiosidade é saber quem diabos é nova Thor, saber porque ela é digna de levantar o Mjolnir quando nem o próprio Odin conseguiu fazê-lo. E o que Nick Fury sussurrou para deixar Odinson indigno. Infelizmente estas respostas você não vai ter no momento. Temos uma sugestão de quem poderá ser a nova Thor...


A arte de Russel Dauterman, que cuidava da arte da revista solo do Ciclope de Greg Rucka, revela ser fenomenal! Ao vermos um Thor mendigo, amargo e invocado lutando contra Malekith e os Gigantes é carregada de sinergia. As cenas na Lua são muito detalhadas, apresentando uma enorme quantidade de personagens de Asgard (agora Asgardia) e desenvolvimento de Odin, Freya e Thor são épicas. Toda a arte é de grande alto nível e torço que o desenhista continue por um longo tempo no título.

A estreia de Thor #1 é excelente! É um ótimo ponto de partida para os novos leitores. A história é simples e necessário algumas informações que, lógico, pessoa gostando vai valer pena ir atrás. Além disso, a situação de Asgardia e de Thor são explicadas na Lua e na recapitulação inicial. Mesmo não revelando a nova Thor, agora você terá dois Thors de sexos diferentes para acompanhar pagando apenas por um preço de uma revista.


Nenhum comentário