Header Ads

Seo Services

Peter Milligan escreve revista mensal dos Lanternas Vermelhos

Dentre as várias tropas que surgiram ao longo dos últimos 6 anos na mitologia do Lanterna Verde algumas foram mais bem aceitas pelo público do que outras, como foi o caso dos Lanternas Vermelhos. Não é de se estranhar, portanto, que estes lanternas que tem a raiva como fonte de poder ganhem sua própria revista mensal.

The Source, o blog oficial do Universo DC. “Não é somente raiva. É fúria. Uma fúria escarlate que ainda o consome após todo esse tempo (…) A fúria de Atrocitus não enfraqueceu. Ela está tão imensa como estava séculos atrás. Eu quis saber porquê. Eu quis saber como.”

O primeiro arco de histórias do novo título buscará algumas respostas para estas questões, as quais, de acordo com Milligan, estão em parte em uma região distante em Ysmault, o planeta prisão no qual os Cinco Inversores, dentre os quais Atrocitus, ficaram aprisionados por centenas de anos.

“É onde veremos porquê e como a fúria de Atrocitus é hoje tão insaciável quanto era no início”, adianta Milligan e mais. “Começaremos também a aprender o que acontece nos cérebros fervilhantes dos membros de sangue quente de sua tropa. Pode a orgulhosa Bleeze continuar como uma serva leal? Como o furioso gato Dex-Starr tenta alimentar seu amado mestre? E quais horrores jazem no leito do oceano de sangue?”

Bem, parece que elementos para serem explorados existem aos montes na Tropa dos Lanternas Vermelhos. Aliás, o que esta tropa bem merece é, de fato, uma oportunidade para que seja bem desenvolvida, pois apesar de ser uma boa criação de Geoff Johns o fato é que ele não soube explorá-la adequadamente.

Afinal, enquanto uma legião de criaturas tomadas por um ódio irracional e dotadas de uma arma poderosíssima poderia se mostrar um obstáculo extremamente difícil de ser transposto o que vimos no arco “A Ira dos Lanternas Vermelhos” foi um bando de seres que somente rosnavam e regurgitavam e que Johns se mostrou incapaz de representá-los da maneira aterrorizante que poderia ter sido feita. Uma tropa de Lanternas que retira sua energia da raiva é uma ótima ideia, mas que até agora não foi bem explorada.

Sendo assim, esta revista mensal da tropa vermelha escrita por um profissional da altura de Peter Milligan é um ótimo presente para os fãs dos Lanternas Verdes e afins.

Nenhum comentário